Manaus Tech Hub lança o programa Green Up – Aceleração para Startups

Tempo de leitura: 3 minutos

Programa Green-Up Accelerator : Batch Zero

O programa tem a missão de desenvolver negócios em conjunto com as startups de forma sustentável.

O cenário de tecnologia ganha força na cidade de Manaus, mesmo com os impactos da
pandemia do novo Coronavírus. O Manaus Tech Hub, espaço de inovação aberta,
criado e mantido pelo Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia, está investindo em
startups da região, através do programa Green Up Accelerator. O projeto conta com o
apoio da Associação Brasileira de Startups (Abstartups) e do Serviço Brasileiro de
Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)

Green Up é um programa de aceleração do Manaus Tech Hub que ocorre em ciclos, com duração média de 12 meses.
A proposta do programa é potencializar o conhecimento técnico e de negócios, auxiliando startups a desenvolver soluções tecnológicas para o mercado, tendo áreas temáticas em cada batch.

“A nossa proposta é contribuir com o ecossistema inovador da região, criando oportunidades e negócios para as startups. Iremos analisar e atender às necessidades específicas de cada startup promovendo mentorias, suporte e gerando maior valor para o mercado”.

Gestora do Manaus Tech Hub, Jacqueline Freitas.

Recentemente, o hub firmou uma parceria com a Abstartups, tornando-se a primeira
mantenedora da associação na Região Norte do país, parceria esta que resultará
na oferta de benefícios para as startups integrantes da Green Up Accelerator.

Entre os benefícios oferecidos pelo programa de aceleração estão a utilização do espaço de coworking do Manaus Tech Hub por um ano, mentorias especializadas, acompanhamento quinzenal com o time jurídico, de negócios, gestão e de comunicação, conexão com novos negócios do Sídia, filiação de um ano com a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), mais de R$ 1 milhão em benefícios da Abstartups, além da participação e realização de eventos no Manaus Tech Hub.  

Através do programa, as empresas selecionadas para a aceleração receberão benefícios como mentoria especializada, espaço gratuito e conexão com novos projetos.   

O projeto animou empreendedores da região, que poderão desenvolver suas ideias
com apoio do Manaus Tech Hub.  

Está preparado ?

Para que a startup possa participar ela precisa estar em estágio de desenvolvimento (MVP) e de preferência já ter tração comprovada no mercado (usuários, receita e/ou investimento), ser composta por um time diverso, ter desenvolvedores dedicados à tecnologia e ter disponibilidade para ficar em Manaus durante os 12 meses do programa de aceleração.

Inscrições

Os interessados em participar do programa poderão realizar a inscrição através de um link disponibilizado no site do Manaus Tech Hub, a partir desta terça-feira (26/05).

Entre os critérios de avaliação estão a relação das startups com clientes, produtos, mercado, investimentos, faturamento e programas pelos quais a mesma já tenha passado.

Sobre o Manaus Tech Hub  
O Manaus Tech Hub é um espaço que tem por objetivo promover o desenvolvimento e
o crescimento de startups na Amazônia, com inovação aberta e oportunidades em
novos projetos, conectando empresas do polo industrial, governo e empreendedores.
Trata-se de uma iniciativa do Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia para contribuir com
o ecossistema de inovação da região.

Créditos: Assessoria de Comunicação do Manaus Tech Hub